Corinthians: Preto no Branco


Qual é a Solução? II
março 12, 2008, 10:01 am
Filed under: Uncategorized

Como você pode se tornar o dono do clube


Como?! Vamos investigar essa questão:

Certamente, o sonho de todo torcedor é virar também dono do clube e participar de suas decisões, sejam elas no campo administrativo ou esportivo.

Talvez por isso os jogos de football Management tenham alcançado tanto sucesso.

Muita gente, vê essa experiência como uma radicalização positiva da democracia, em experiências que surgiram justamente dos coletivos anarquistas.

Historicamente, está provado que os operários fundadores do Corinthians tinham ligações com o movimento anarquista, muito forte no nascente setor industrial paulista.

O objetivo era dividir poder e não concentrá-lo. Essa era a idéia do clube do povo. Não é à toa que a grande greve liderada pelos anarquistas, em 1917, mobilizou, sobretudo os operários do Bom Retiro e do Brás.

O mundo deu mil voltas, globalizou-se e acabou sendo controlado pelos magnatas do transcapitalismo cínico. Isso ocorreu na Espanha, na Itália, na Inglaterra e no Brasil, onde traficantes de jogadores assumiram o poder nos
clubes.

O resultado é que muitos dos verdadeiros amantes do futebol acabaram por se desiludir totalmente com o modelo de gestão esportiva atual, calcado apenas no lucro e nos interesses pessoais. Cansaram-se do papel de inocentes úteis.

Gente assim montou o MyFootballClub, na Inglaterra, um projeto de cunho radicalmente democrático e auto-gestionário.

A idéia é que todos os torcedores sejam donos do clube e possam decidir diretamente, pelo voto, de todas as questões pertinentes à administração e à gestão do futebol.

Isto é, vão votar nos patrocinadores, escolher projetos de marketing, definir padrões para a construção do estádio, escolher técnicos e até votar nas contratações.

Para quem gosta de futebol, de verdade, é o paraíso.

Lá, eles compraram um time, o tal do Ebbsflet United. Todo mundo é dono, todo mundo manda. Mas não há bagunça. Pelo contrário. O Estatuto prevê todas as regras de participação.
Ou seja, não há desordem nem abusos de poder. Todos os mecanismos de participação estão claramente descritos e são conhecidos de todos.

Afinal, democracia radical e coletivos anarquistas somente se mantêm com total organização, total participação e total conscientização.

Os italianos, cansados de roubalheiras e negociatas, seguiram o caminho. Criaram o Squadramia, que também vai comprar um clube, a ser dirigido por um coletivo de amantes do futebol.

França, Israel, Dinamarca, Rússia e Estados Unidos copiaram a idéia e começaram a criar seus coletivos.

Hoje, descobri pelo jornal que até o Brasil tem um movimento recém-fundado, também inspirado no projeto inglês. Chama-se Meu Time de Futebol – MTDF.

Parece-me difícil que vingue, pois precisam de 50 mil sócios contribuintes, o que é muito difícil de se obter no Brasil, ao contrário do que ocorre na Grã-Bretanha.

No entanto, mostra algo que está evidente em todas as comunidades de futebol do Orkut: ninguém agüenta mais as cafajestadas de cartolas, agentes e outros mercadores do futebol.

Certamente, o futebol do futuro terá essa conformação societária. As pessoas somente se interessarão se estiverem certas da honestidade do projeto e se puderem tomar parte nas decisões.

Interessante porque une os elementos do capitalismo (participação societária por qüotas), do socialismo (partipação igualitária nas qüotas – direitos iguais a todos) e do anarquismo (gestão coletivista por meio de um acordo civil em torno de propósitos bem definidos).

Que esses exemplos de uma silenciosa revolução que começa a tomar fôlego seja inspiração àqueles encarregados de refazer o Estatuto do Corinthians.

Que se tenha máxima participação para que se tenha máximo comprometimento, do modo como planejaram os fundadores do clube, em 1910. Quem sabe um dia possamos chegar lá…

Links:

www.myfootballclub.co.uk

www.mtdf.com.br

Autor: Giulio Calabria
Postado originalmente em: www.diretasnocorinthians.wordpress.com – “O Corinthians dos Corinthianos”

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: