Corinthians: Preto no Branco


A polêmica dos “Títulos Remidos” no Corinthians
março 17, 2008, 6:57 pm
Filed under: Uncategorized

Por Larissa

Primeiro, explico o que são títulos remidos.

Esses títulos que diferem dos patrimoniais pelo fato de que, uma vez adquiridos, o sócio não paga anuidade do clube, nunca mais. Foram criados numa época de quase falência do clube, dirigido pelo facínora Wadih Helu, época em que o Corinthians era chamado de “faz-me rir”.

Helu criou esses títulos para levantar verba para o clube, a partir daí montou o time que ficou conhecido como “Timão”, que contava com Mané Garrincha, Ditão, Nair, entre outros. Originando assim o apelido do time. Na época, esses títulos custavam o equivalente a um carro. Hoje são vendidos mesmo por cerca de R$2.000,00 reais, até menos.

Exponho agora a polêmica levantada no Blog do Paulinho, tirem suas conclusões:

O golpe dos títulos remidos

Existe um enorme movimento de torcedores para que as eleições corinthianas aconteçam pelo voto do associado.Andres Sanches e os “amigos de Kia” sempre foram contra.

Para a imprensa dizem ser a favor.

Nos bastidores, em ligações para conselheiros, falam a verdade.

Mesmo assim eles temem não conseguir segurar o clamor popular.

E já estão se articulando para essa eventualidade.

No Corinthians existem muitos títulos remidos que não estão sendo utilizados, mas que juridicamente teriam direito a voto.

Os “amigos de Kia” fizeram esse levantamento.

De maneira sorrateira, estariam agraciando seus amigos e comparsas, muitos eles de organizadas, com esses documentos.

Alguns casos chegam a ser vergonhosos, como o do vice-presidente de futebol, Mario “Detran” Gobbi.

Segundo soube, Gobbi foi beneficiado por um título remido de um antigo associado.

O correto seria que ele, como associado recente, cumprisse as carências necessárias, previstas pelo estatuto do clube, antes que pudesse ser conselheiro ou ocupar cargo de relevância no Corinthians.

Não foi o que aconteceu.

De maneira absurda ele usufruiu do tempo de carteirinha do antigo proprietário.

Partindo desse princípio, um torcedor bandido das organizadas que adquirir um desses títulos pode ser candidato a presidente do clube já na eleição subseqüente.

Sem que tenha que cumprir os prazos discriminados pelo estatuto.

É a maneira que os “amigos de Kia” estão encontrando para driblar as regras e favorecer membros de organizadas dentro do clube.

Isso é inadmissível.

Esses títulos têm que ser bloqueados e analisados pelo conselho.

A situação de Mario “Detran” Gobbi, vice-presidente de futebol do clube seria completamente irregular.

Seu título tem que ser cassado para que sirva de exemplo.

O novo estatuto não pode ser votado sem que essa questão seja avaliada.

Sou a favor das diretas.

Mas não posso aceitar que essa diretoria se aproveite disso para fazer sacanagem.

Alguns conselheiros sugeriram algo que considero pertinente.

Pedem que a diretoria de Andres Sanches apresente publicamente a lista dos eleitores com direito a voto em uma possível eleição direta.

Com a lista em mãos poderiam avaliar caso a caso a situação legal dos eleitores.

Isso sim é transparência.

Por que não fazem?

A resposta é obvia.

***

Nota da Larissa: Esperar o que dessa diretoria?

Eu não sei como eu ainda consigo me assustar dessa forma com essas barbaridades.

Não duvido de nada. O próprio Sanchez já foi capaz de coisas mto piores do que “títulos remidos” …negociar o Corinthians com a máfia russa por exemplo.

Mas essa questão dos títulos não pode ficar restrita ao blog!
Acho que é dever de todo corinthiano consciente indagar, questionar, levantar a notícia …
Se for real, os conselheiros DEVEM ser pressiondos a pedir uma lista com o nome desses titulares para que seja analisada antes das votações.

Ah…mtos levantaram a questão sobre organizada chegar ao poder, mas esqueceram que muito antes disso, quem será beneficiado com a distribuição desses títulos, será o Sanchez…essa foi uma medida preventiva, caso, haja eleição direta no clube.

Será que até a democracia eles conseguirão burlar e corromper?

Nós não podemos deixar as coisas como estão.
Esse fato não pode servir como desculpa para os conselheiros votarem nas indiretas.

E devemos ter consciência sobre as diretas também.

Acredito que a única forma efetiva agora de propor mudanças é por meio de uma forte pressão social. Precisamos aliar torcedores comuns e sócios. Os primeiros pressionariam na sede do clube, nos jogos, etc…por diretas, já que os conselheiros estão se dizendo perseguidos pela turma das Diretas Já e é assim mesmo que eles precisam se sentir, do contrário, continuarão pensando apenas em si próprios, como fazem há décadas.

Já os sócios precisam exigir seus direitos. A começar pela reforma estatutária, que salvo engano, compete a assembléia de sócios. O papel desses é fundamental, já que, pagando anuidade, têm total direito de cobrar os seus direitos.


2 Comentários so far
Deixe um comentário

Parabéns Larissa pela matéria, pela inparcialidade e por conseguir enxergar o qto lesiva é essa diretoria, é muito bom saber que não estou sozinho nessa luta.

Larissa: Muito obrigada. Se essa é a sua luta, vc precisa fazer parte do nosso movimento: “O Corinthians dos Corinthianos” -> http://diretasnocorinthians.wordpress.com

Comentário por Marcelo

Imparcialidade*

Comentário por Marcelo




Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: