Corinthians: Preto no Branco


Alves e o JEC – Dá pra entender?
julho 23, 2008, 1:09 am
Filed under: Uncategorized

Negócio difícil de entender

O zagueiro William passou por todas as divisões de base do Joinville mas poucas chances teve entre os profissionais. Raríssimas foram as vezes em que ele apareceu na equipe titular. Há dez dias, foi dispensado pela diretoria do JEC e, ontem, aparecia em todos os sites do País como o novo reforço do Corinthians.

No Timão, William será chamado de Alves. No Parque São Jorge já existe um outro zagueiro William, que também já defendeu o JEC. Foi em 2004, ano do rebaixamento tricolor para a Série C.

Ontem, William Augusto Alves Conserva treinou pela primeira vez no Corinthians. Contratado para seis meses de experiência, o zagueiro chega para ajudar a compor o setor defensivo do Timão depois da saída de Carlão, negociado com o Sochaux, da França. “Uma felicidade imensa, pois eu e toda minha família somos corintianos”, discursava, assustado com tantos jornalistas, o tímido garoto nascido em Marília e criado em São Carlos, cidades do interior paulista.

Desconhecido, o jovem chegou ao Timão pelas mãos do técnico Mano Menezes. O treinador sempre obteve boas recomendações do agora Alves por intermédio do técnico e amigo seu do Sul Gilmar Isser, ex-JEC e hoje no Esportivo de Bento Gonçalves.

Empolgado, William falou para a imprensa paulista algo que não bate muito com seu passado na Arena. “Sempre fui titular no Joinville”, disse. Alves será o sexto zagueiro do elenco. Mas pode sonhar em jogar em caso de ausência dos titulares William e Chicão, pois Christian Suárez não agrada a Mano, e Fábio Ferreira, que será titular no sábado, frente ao Bahia, não tem boas relações com a torcida, que o acusa de “baladeiro”.

http://www.clicrbs.com.br/anoticia/jsp/default2.jsp?uf=2&local=18&source=a2052914.xml&template=4187.dwt&edition=10291&section=888

Jornal de Joinville distribuído no estado todo de SC.

Nota da Larissa: Eu arrisco um palpite, o empresário dele está entre Wagner Dinheiro, um dos laranjas Campoi e Dijean, quem sabe até ambos ou pode ser o procurador do Mano Menezes, o mesmo do Elias, Saci, Denis e Eduardo “Erramos”, todos titulares absolutos, embora, pelo menos dois deixem muito a desejar. Mas é só coincidência tá?

Anúncios

2 Comentários so far
Deixe um comentário

Larissa, me desculpe, mas acho que não devemos pre-julgar o jovem.

Entendo que a contratação é apenas para reserva, ou banco.

Se viesse por exemplo o Anderson, ou o Rodrigo que foram para os Bambis, qual seria o comentário?

Viriam para mandar para o banco o Chicão?? ou o William I ? (e a questão em pauta seria : Quem está pagando os salarios?)

Então, na minha modesta opinião, essa critica é absolutamente extemporânea.

Nessa linha de raciocinio, para agradar alguns criticos, só vale jogador trazido de onde?

E se também não vale, indicação do Mano, porque é suspeita, vamos trazer então jogadores indicados por quem?

Quanto ao envolvimento de empresários, nem adianta falar mais, isso foi obra dessa legislação que criou “new richs”, e se não forem esses apontados, serão outros, mas o fim é o mesmo.

Se a lei instituida permite que empresa cujo objeto social é vender comida, especule nesse mercado, o que mais falta acontecer??

Esse rapaz, nem sabemos se é bom ou não, já chega bombardeado pela imprensa e outros que tais.

Se fosse trazido pelos Bambis, já estariam exaltando a “visão” do “mago” (não remunerado??) que atua no “descobrimento” de talentos.;

Uma coisa é certa, se esse William fosse para o Morumbi, provavelmente seria convocado logo, e vendido a exterior rapidinho, mesmo sem sabermos se joga ou não.

Comentário por Jarbas

Jarbas, entendo o que você disse. Realmente, dependendo de onde fosse, seria o novo Beckembauer…
Mas acho que não seria a hora de se fazer contratações. Se estamos estourados na nossa conta bancária, temos que começar a usar o que temos em casa.
O Renato, por exemplo, nem estreiou no profissional e já teve 25% do “passe” vendido. Porra, então põem logo o cara pra jogar e ganha os 75% antes de vender por outra merreca.
Acho que essa é a idéia. Quando uma casa começa a ter mais gastos do que receita, vc acaba com isso. Empregada todo dia? Nem ferrando, no máximo 15 dias (se vc msm nao colocar as mãos no batente). Comida de primeira, tbm não… Até ter as contas equilibradas. Gasta o que se pode gastar para ainda sobrar um dinheiro para maiores investimentos.
Abs

Comentário por Guilherme




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: