Corinthians: Preto no Branco


Conta Estranha
setembro 4, 2008, 11:25 pm
Filed under: Uncategorized

Tenho tentado exaustivamente entender a administração do Sport Club Corinthians Paulista, mas todo o meu esforço parece ter sido em vão.

Durante essa semana divulguei aqui no blog o parecer da diretoria corinthiana sobre as finanças do clube, depois que os dirigentes alvinegros divulgaram o balanço financeiro do mês de Julho.

Nos cálculos, segundo informado em entrevista coletiva no Parque São Jorge, o clube apresentou queda de R$ 4,1 milhões na dívida total e lucro de R$ 12,3 milhões nos sete primeiros meses de 2008.

No entanto, ao analisar os balancetes de junho e julho que constam no site oficial do Corinthians, me deparei com muitas perguntas sem respostas. Adianto que meu conhecimento em contabilidade se resume ao que acompanho dos balanços do clube. Só cheguei a me interessar por essa área um dia, para poder acompanhar de perto o andamento da gestão do meu clube do coração. Pergunto então, como leiga no assunto:

Comparando os demonstrativos do próprio site oficial de junho e de julho, constatamos que no mês de Junho o Corinthians tinha R$32 mil em empréstimos bancários, mas em julho o valor subiu para R$12.179.000 (Isso mesmo! Doze milhões!). Então que melhora é essa que o clube só se endivida em bancos?

Ainda, no balanço de Junho aparece uma dívida de empréstimo com o Clube dos 13 no valor de R$8.160.000mi, e agora no mês de julho, esse valor passou para R$12.424.000mi. Que melhora é essa que o clube só antecipa dinheiro mais e mais?

Seguindo, no item Empréstimos (bancos, Federação, Clube dos 13) em junho constavam R$12 milhões e em julho fechou em R$ 29 milhões, mais que o dobro!

Há ainda, uma redução drástica das contingências de R$26.385.000mi para R$18.854.000mi, ou seja, quase R$8.000.000mi. E não consegui achar, mesmo com o pagamento do Lion, onde foram parar esses 8 milhões!

Observação: Me parece que a dívida com o Lion não pode ser contabilizada nas contingências, pois já constava no item de dívidas negociadas.

Sem esquecer da estranha negociação de parte dos passes dos jogadores Dentinho, André Santos e Renato com o grupo Sonda, que segundo a diretoria informou, tinha o intuito de “fazer” dinheiro rápido, porque estávamos com a corda no pescoço para pagar a dívida do Nilmar. Como é que agora aparece no balancete como contas a receber?

Enfim, um leigo ao fazer essas comparações e análises, percebe que a situação não melhorou nada. Pelo contrário!

Talvez um profissional da área, pudesse encontrar uma razão e explicar como isso significa melhora ou diminuição da dívida. Mas por enquanto, sem resposta, devo concluir que estamos entrando em juros bancários, realizando empréstimos e “antecipações” para mostrar que a dívida do clube diminuiu, graças ao pagamento das mesmas realizado pela diretoria? Mas fizemos isso contraindo mais dívidas? Qual a vantagem e o mérito (sempre divulgado) nisso?

Tendo a acreditar que a diretoria continua alardeando pequenos feitos, ou pior, utilizando-se de artifícios para maquiar uma situação absurda. E é incrível como sempre, desde o momento em que assumiram o clube até o presente momento, onze meses depois, a desculpa para tudo que acontece é uma só: DÍVIDA. Essa vem sendo a justificativa para todo tipo de incompetência ocorrida no Corinthians.

Começo a achar melhor para a diretoria que nem pague essa dívida. Do contrário, que desculpa vão usar quando não tiver mais Dualib e a administração passada (da qual fizeram parte) e não tiver mais dívidas? Aí eu quero ver de que pretexto se utilizarão para ludibriar o povo. Ah! Já sei …ESTÁDIO!

*Os balancetes do clube podem ser encontrados em: http://www.corinthians.com.br/2008/clube/default.asp?categoria=Transpar%EAncia

*Texto resultante de uma coleção de leituras, debates e informações colhidas, que simboliza não só a minha dúvida como a de muitos corinthianos receosos e ansiosos por respostas.

Esclarecimento: É de conhecimento da blogueira que lançamentos futuros fazem parte de qualquer balancete. Que empréstimos fazem parte de qualquer administração e que, às vezes, seja preciso recorrer a eles para quitar dívidas mais urgentes ou apenas melhorar os prazos. No entanto, não considero digna a atitude de distorcer determinadas informações presentes nos balancetes para fazer campanha política alardeando que a dívida diminuiu de fato. O motivo da crítica presente nesse texto é, principalmente, o discurso utilizado pela diretoria que leva a crer que além de pagarem as dívidas, a mesma diminuiu. Quando na realidade, quitaram algumas dívidas fazendo outras.

E acredito que seja esse o papel do torcedor do Corinthians. Cobrar um bom trabalho dos nossos dirigentes e fiscalizar o clube já tão sofrido com desmandos e corrupção. Deveríamos lutar para que houvesse auditoria externa nas contas do clube, tornando assim, os balancetes fidedignos.

Foi por uma péssima administração que passamos por toda essa humilhação e sofrimento de ver o Corinthians rebaixado e, francamente, não quero tornar a passar por isto. Apoiar só o time. Diretoria, vamos cobrar e manter os olhos bem abertos.


15 Comentários so far
Deixe um comentário

A administração alvinegra gosta de brincar de faz-de-conta.

A fórmula pra maquiar os balanços aparentemente tem sido pagar dívidas fazendo novas dívidas com empréstimos suspeitos.

Larissa: Antes de lançarem um livro-aberração com certa frase, eu lhe responderia: Salvem o Corinthians.

Comentário por Shadow

Cara Larissa. Vou colocar seu comentário no meu blog. Suas colocações são importantes. A qualidade de nossa dívida está piorando. Na próxima quinzena ,quando o Cori fizer sua reunião, muitos pontos poderão ser entendidos (ou não). Um abraço.

Larissa: Fique à vontade. Eu só lamento a falta de uma explicação plausível para os questionamentos. Realmente esperava que um profissional da área aparecesse e dissesse que eu não entendo nada de contabilidade mesmo e que estou completamente equivocada. Pelo Corinthians, eu preferia que o texto não tivesse sentido algum.
Embora este seja o espaço onde eu deveria responder, não consigo evitar questionar: Após a referida reunião do Cori que poderá esclarecer a situação, os corinthianos terão acesso a essas informações? E que orientação faria ou fará o Cori neste caso? Abraço.

Comentário por Roque Citadini

Adorei esse comentário Larissa, não desista dos comentários desse tipo. Você não está sozinha na tentativa de tornar nosso time cada vez melhor.

Larissa: Só estou tentando entender uma situação que me parece estranha e que não pretendo deixar de lado por mais quatorze anos. =)

Comentário por Brunno Iago

Muito importante seu cuidado com o nosso patrimônio, com o nosso coração e nossa alma!!!
Quem dera todos pudessem cuidar de quem cuida do coringão!!
Parabéns pelo post!

Larissa: Obrigada! =)

Comentário por Marco

Olá Larissa.

Desculpe publicar sem pedir autorização, ainda coloquei a fonte, pois seus textos sobre o Corinthians são muito interessantes, inclusive seu blog está nos meus favoritos para divulgá-lo.

Parabéns e continue assim.

Um abraço,

Thomaz Silva

Larissa: Obrigada. Depois me mande o link do seu para colocar aqui no blog também.

Comentário por Thomaz Silva

É a primeira vez que visito seu blog, com a atenção chamada pela reprodução deste post no blog do Citadini. Gostei muito do que vi e li por aqui, pois por incrível que pareça é difícil achar opiniões ponderadas na Internet, sem radicalismo e sem omissões. Vou virar freguês!

Larissa: Sinta-se à vontade. =)

Comentário por David Emmanuel

Larissa, para quem se diz leiga, seu comentário foi rico em detalhes. Particularmente não aprecio contabilidade, acho meio chato, mas as vezes temos que tentar nos aprofundar em alguns conhecimentos até para podermos comentar sem proferir tantas bobagens. Quando estudei Administraçao, durante uma prova de Contab I, perguntei a um amigo qual era o resultado do balanço, no que ele respondeu: de que lado ? Alertado por um colega do correto valor, comecei o balanço de baixo para cima até chegar no valor correto. Quando me perguntam sobre resultados de balancetes ou balanços, sempre respondo que prefiro uma analise detalhada, conta a conta, talvez resultado da minha veia de auditor. Mas parabens pelo comentario

Larissa: Pois é. Ao final do texto eu escrevi: Texto resultante de uma coleção de leituras, debates e informações colhidas, talvez por isso, tenha tantos detalhes. Mas não considero uma análise de balancete ou situação financeira do clube. É uma comparação de alguns números e constatação de algumas atitudes que tomaram. E como não conseguimos mais respostas dos emails que enviamos ao Corinthians, permanecemos com dúvidas. As mesmas que eu tinha quando escrevi e esperava que alguém respondesse, corrigisse. Acredito que perguntar não ofenda ninguém, mas talvez traga as respostas que preciso para tentar entender pessoas nas quais ainda não confio.

Comentário por Silvio Romoaldo Jr

Larissa:
Seu tópico no Orkut me trouxe até aqui. Não poderia lá, expressar minha opinião, sem deixar de ser mal interpretado. Você foi muito corajosa, deve continuar nessa luta que também é nossa. Resquícios da má administração anterior, insistem em permanecer em nosso clube. Claro que os balanços apresentados nos mostram apenas números, não a realidade.

Larissa: São números importantes para o clube. Abraço!

Comentário por Luiz Carlos

Larissa. Muito bom esse seu questionamento.

Vamos esperar pelos esclarecimentos prometidos pelo Dr. Citadini.

Achei importantissimo esse pronunciamento do Citadini aqui, pois isso representará uma voz oficial.

Destaco esse depoimento do Citadini aqui, como histórico, E UM FURO espetacular do seu BLOG.

Parabéns a você. O que mais tem incomodado o Corinthiano lúcido ultimamente, é só uma coisa, A VERDADE, tanto que você, humilde e prudentemente, reconhece ao dizer que tem “duvidas” e não é contadora e pede auxilio.

Acho que você foi a porta voz desse anseio.

Citadini, merece todo o nosso apoio nessa questão, pois tenho certeza que a sua análise será isenta, Corinthiano de valor que é, e o que o Corinthiano como nós deseja, é o CORI fazendo a nossa vez. Fiscalizando e cobrando.

A melhor noticia do ano, na minha opinião. Na minha modesta opinião, você conseguiu parar o PSJ.

Mais uma vez, parabens Larissa, parabéns, mesmo, seu blog é realmente diferente, como eu sempre achei.

Larissa: Realmente eu espero que nos traga esclarecimento. Obrigada pelo apoio de sempre.

Comentário por Jarbas

Só um acrescimo Larissa. Tem coisas que a gente tem vontade de perguntar, insiste, mas não consegue retorno e fica frustrado.

No passado recente, enjoei de postar uma dúvida, que permaneceu sem resposta e morreu, e até hoje nunca entendi.

Foi a contratação do técnico Geninho, no periodo da MSI.

Será que ninguem o avisou que estava entrando numa fria, com tantos amigos no PSJ que todos nós sabemos que tem. Não é?

E o Geninho quando saiu, saiu dizendo que havia recebido direitinho, o seu altissimo salário, e informando que fora muito bem tratado.

Que sorte a dele não? Nem precisou recorrer a justiça para receber como aconteceu com Passarella e Leão.

Enfim, já passou e já me conformei com esse mistério em meio a tantos outros, como esse caso da dívida.

Por exemplo, Citadini (e eu confio nele) sempre disse que não estamos endividados, e agora iremos ter uma resposta efetiva.

Uma bomba realmente, dignas daquelas dos programas esportivos apelativos que já acabaram graças a Deus. (“Põe um pam aí”)

Já pensou nas manchetes? Divida Corinthiana foi uma enganação?

Aliás você já havia postado algo nesse sentido.

Larissa: É! O que eu penso é que exageram o assunto da dívida para ter no que se apoiar. Justificar de alguma forma e não considero isso digno. Mas…isso é só a minha opinião que pode estar equivocada, mas enquanto não tiver provas da lisura dessa administração, continuarei desconfiando. Acho que esse é o nosso papel mesmo.

Comentário por Jarbas

Lara

O que vem acontecendo ao nosso Corinthians é uma sucessiva e descontrolada falta de organização financeira, herdada e/ou um legado da administração passada.

Todos sabemos que com taxas de juros não se deve brincar, mas o tal EMPRÉSTIMO definitivamente entrou no gosto desta atual administração.

Mas essa opção de crédito, que no início empolgou-os, começa a causar preocupação.

“Os empréstimos foram artifícios necessários e utilizados por esta Administração, para terem o pagamento de dívidas garantido e não sofrerem as conseqüências da inadimplência”, acredita o Sr. Raul Corrêa da Silva Vice-Presidente de Finanças do clube.

Mas, além de a dívida fugir ao controle, (na minha “modesta” opinião), e, em casos não raros ocorrer erros. Como, por exemplo, o caso Jô, que nem preciso mencionar, não é mesmo!? O que realmente esta acontecendo com as finanças do nosso clube?

O segredo talvez, seria não comprometer mais de 30% da renda com o pagamento das parcelas de um empréstimo? E “Nunca esquecer de que a economia zela muito bem pelos cofres das instituição financeiras, mas do nosso Corinthians quem cuida!?”.

Parabéns à você por suas ótimas observações.

Abraço.

Larissa: Obrigada. Então, não vou discutir o comentário do Raul Corrêa justamente por ele ser profissional da área e eu não. Se está certo recorrer a empréstimos assim, até acho que possa ser melhor e que quando se tem dívidas alguns procedimentos adotados sejam normais. O que entra em discussão aqui é o discurso proferido. Se criaram mais dívidas para pagar a dívida, então a coisa não é bem como andam dizendo por aí. É nesse ponto que eu cansei de ver e ler factóides, é esse ponto que questiono.

Comentário por Marcio Feitosa

Larissa. Tem tantas informações sendo jogadas aleatoriamente em blogs, nesse caso do balanço, que no afã de emprestar credibilidade à uma opinião do autor, causam a quem lê a vontade de desacreditar toda a denuncia.
Explico:
Li em um blog que “fora” por”maquiagem” considerado o crédito a receber, que está depositado em juizo, do Carlos Alberto.

Esse é o texto do autor do Blog:

“Para chegar ao valor de dívida de R$ 93 milhões, o Corinthians contabiliza receitas que ainda não conseguiu e nem tem certeza de que as terá.

A principal delas são os R$ 10,7 milhões que ainda espera pela venda de Carlos Alberto.

Sem os lançamentos futuros, a dívida chega a R$ 117 milhões.”

A diferença que ele aponta é de 24 milhões.(maquiagem segundo ele)

Fiz uma pergunta apenas (que foi censurada não publicada por receio de ter revelada a sua ingenuidade nesse seu post.

Uma burrice do “podador”. Poderia apenas ter dito que se enganara. Preferiu “esconder” certamente para que outros não vissem a pisada na bola.

A pergunta foi apenas: O valor desses créditos a receber estavam considerados na divida aprovada pelo Cori e CD, das contas em 2007?

Era só responder que estavam ou que não sabia, Ou ainda, mostrar seu conhecimento e dizer que não estavam.

A conta e a análise é tão elementar, e simples, e a resposta tão óbvia, que o blogueiro censurou e não respondeu, por vergonha acredito eu.

Evidente que esses créditos estavam contabilizados em 2007, era só ele olhar.

Se não estivessem, a divida no fim do ano, seria de 100 milhões + 24 ou 124.000

E a de agora (segundo ele) 117 milhoes.

Portanto redução de 7 milhões.

Se estivessem considerados os creditos (como estavam) a divida seria a que foi divulgada e aprovada, como 100 milhões.

Como considerados os creditos novamente, (segundo ele injustamente), a divida seria hoje de 93 milhoes, ou seja redução de 7 milhões.

Não sei se me entende. É claro que pode ter coisas erradas nesse balanço, mas não se pode, a pretexto de tecer uma critica “inventar” uma pisada na bola dessa magnitude.

Bom, mesmo assim, pesquisei nas postagens de visitantes do blog, e vi essa mesma referência de um leitor, chamando a atenção para esse fato.

Imediatamente acima foi aberto um post com o teor sugerido pelo frequentador, e que colei acima.

Entende? O Blogueiro, na ansia de criticar, pegou o gancho de um leitor (igualmente asno) e aceitou como verdade absouta, e nem se deu ao cuidado de analisar o fato.

A maquiagem do balanço estaria caracterizada se: em Dezembro, quando se aprovou e fechou o balanço, não estavam esses créditos a receber, e apenas agora o fossem considerados.

Tudo o que leio lá, para mim perdeu credibilidade.
A censura a meu questionamento, racional revelou que muitas vezes fala o que não sabe.

Pode ter valor, mas CREDIBILIDADE, não sabe efetivamente conquistar.

Você expos as suas duvidas, questionando o aumento do endividamento bancário, que tem que ser explicado, mesmo porque esse endividamento não foi ocultado no balanço não é?

Naturalmente, como a divida diminuiu, esse endividamento bancário substiuiu outras dividas.

Por exemplo, anteriormente apareciam dividas com Passarella, Leão, Nilmar, sei lá, hoje liquidadas, e passamos a dever a Bancos, com prazos mais longos, sei lá mais o que.

Isso tem que ser explicado, realmente. Foi melhor pegar dinheiro em banco, para atender precatorios, ou ações judiciais preementes?

Isso que precisamos saber. Enfim, quando se for questionar alguma coisa, em primeiro lugar, termos pelo menos conhecimento do que estamos falando.

Amanhã, qualquer um vem aqui no blog, e posta um absurdo e você assume como verdade, e assume como autoria sua?

Entendi esse seu final, que cansou de ler factóiodes. Esse é um exemplo real.

Nem dou tanta importância, apenas acho que essas pisadas na bola, não ajudam em nada, apenas prejudicam.

Talvez o “denunciante” até acredite que está ajudando, mas na verdade, presta desserviço por incompetência. (Não acredito em desonestidade, acho, burrice mesmo)

Abraços.

Larissa: A matéria que você se refere é reportagem da Folha de São Paulo, no entanto, achei um tanto quanto tendencioso o caráter da nota emitida. O jornalista apenas desconsiderou os lançamentos futuros e apontou o valor da dívida sem os mesmos. Não deixa de ser verdade quanto da dívida, mas é sabido que em balancetes se contabilizam os lançamentos futuros. A Folha agiu mais ou menos como a diretoria do Corinthians, com a diferença de que a diretoria apontou a “redução” da dívida veiculando apenas a parte do balanço que evidenciava isso, já o Painel FC fez o caminho inverso. Ambos encobrem parte da situação e alguns pegam carona nas notícias distorcidas. Questão de ponto de vista Jarbas, entende?

Comentário por Jarbas

Eu sou contabilista (também), e tive o cuidado de olhar a posição da divida em 31/12/2007, e a mesma situação em 31/07/2008.

Em ambas estão lá os creditos do Carlos Alberto por exemplo.

Então, se você achou um tanto quanto tendencioso o jornalista, você foi condescendente. Foi tendencioso inteiramente.

Agora, se porventura esses valores não estivessem no balancete de dezembro, e acrescentados agora, sem qualquer justificativa, daria razão ao blogueiro e ao jornalista, e seria caso de policia e impeachmente por informações fraudulentas.

Como não tem razão, nesse assunto em particular, perdem a fé em todos os demais, pelo menos para mim.

Mas, graças a você, agora temos a quem cobrar isso. O Doutor Citadini, se comprometeu ao que parece explicitamente aqui.

E porisso, considerei um feito extraordinário, entendeu?

Você passou a bola, explendidamente, melhor do que o Douglas. ahahaha

É duro reclamar aos ventos.

Abraços.

Comentário por Jarbas

Larissa tudo bom??

depois que vi o balancete de maio analisado para trás eu não me surpreendo com mais nada. parei de analisarmelhor pq ficou totalmente fora…

seus comentários e dúvidas foram muito bem colocados e vamos aguardar a explicação.. se é que virão…

tem uma máxima que diz assim:

na matemática 2+2= 4
na contabilidade: 2+2= quanto vc quer que seja????

complicado…

bjs!!

Larissa: Eu concordo plenamente, Lucas.

Comentário por Lucas Bolívar

[…] Finanças O vice financeiro do Corinthians, Raul Corrêa da Silva respondeu algumas dúvidas enviadas ao clube por um torcedor do Timão que reuniu algumas informações contidas no texto que publiquei semanas atrás sobre a diminuição da dívida do Timão. Para ler o texto, acesse: https://larissabeppler.wordpress.com/2008/09/04/conta-estranha/. […]

Pingback por Finanças « Corinthians: Preto no Branco




Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: