Corinthians: Preto no Branco


Corinthianismo à flor da pele
setembro 8, 2008, 3:45 am
Filed under: Uncategorized

Como sugestão de acompanhamento à leitura abaixo, recomendo a música de Rolando Boldrin, Moda do Corinthiano, que o leitor pode ouvir e fazer download em: http://www.4shared.com/account/file/7788301/73cfdcf0/Moda_do_Corinthiano_-_Rolando_Boldrin.html


O Credo Corinthiano

Ser corinthiano é ter a fé por princípio, a crença por base e o devotamento por fim.
Ser corinthiano é dar tudo sem nada pedir em troca.

Ser corinthiano é olhar para a frente sem se deter ante o negrume das derrotas, tampouco se deixar embalar pelos cantos da sereia das vitórias.

Ser corinthiano é oferecer sacrifícios sem exigir compensações.

Ser corinthiano é saber sofrer com altivez, é saber sorrir sem menosprezo, é saber aceitar sem relutância, é saber almejar sem ilusões, é saber aguardar sem sofreguidão, é saber tombar de pé ou saber atingir o máximo das atitudes sem sentir a vertigem das alturas.

Ser corinthiano é ser humilde sem ser covarde, é ser razoável sem ser complacente, é ser compreensivo sem ser servil.

Ser corinthiano é segui-lo em todos os caminhos, é transportar-se para o interior e para o litoral, é sofrer a rigidez do frio, é enfrentar o esbrasear das soalheiras, o rigor das canículas, o vergastar das chuvas, o explodir das tempestades, tudo, absolutamente tudo, sem uma frase de revolta, e tendo nos lábios uma palavra apenas: Corinthians.

Ser corinthiano é ser incentivo, é ser aplauso, é ser grito, é ser aclamação, é ser chama, é ser entusiasmo, é ser sino que conclama, é ser cristal que vibra, é ser ouro que esplende, é ser suor que provoca, é ser sangue que alimenta, é ser vida que dá vida!

Ser corinthiano é sonhar, mas sabendo transformar sonho em realidade.

Ser corinthiano é ser herói sem disso se aperceber, é ser útil sem disso fazer alarde, é ser benemerente sem disso se vangloriar.

Ser corinthiano é ser participante de uma legião de bravos, de um pugilo de intrépidos, de uma inamovível confraternização de abnegados.

*Extraído do livro “CORINTHIANS – O TIME DA FIEL!” de Orlando Duarte e João Bosco Tureta.


2 Comentários so far
Deixe um comentário

Linda a música, lindo o texto e linda a Larissa também!

Larissa: Obrigada, engraçadinho! rs

Comentário por Shadow

Oi, Larissa, tudo bem?
Sou paulistano, casado, vacinado, escritor (literatura infantil) e, antes de qualquer coisa, apaixonado pelo Sport Clube Corinthians Paulista! Em parceria com o Marcelo Duarte (Guia dos Curiosos, Loucos por futebol da ESPN etc) e a Panda Books, organizo uma homenagem à torcida corintiana, que também vai fazer 100 anos, certo?
O projeto é um livro dividido entre fotos – antigas, históricas e ensaios atuais – e depoimentos de quem de direito: jogadores, ex-jogadores, personalidades e outros corintianos de amor e fé. Enfim, gente de todos os segmentos, como é característica da Fiel. Alguns deles já abraçaram a causa: Celso Unzelte, Washington Olivetto, Ado, Juca Kfouri, Daniel Piza, Hortência, Dr. Osmar de Oliveira, Derico (Jô Onze e Meia) e estou esperando o retorno de muitos outros. Você pode colaborar, dando sua palavra sobre a fiel e sua força? Pode ser até uma frase. Enfim, o que você quiser falar sobre o tema.
Fico esperando sua resposta, ok?
Abraços alvinegros

Lázaro Simões Neto (Lalau

Comentário por Lázaro S. Neto




Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: