Corinthians: Preto no Branco


O outro lado da moeda
novembro 11, 2008, 12:08 am
Filed under: Uncategorized

O Corinthians, como já era esperado, sagrou-se campeão da série B. Mais uma vez fui ao estádio, comemorei o momento com a torcida, talvez até mais por ela, porque merecíamos isso: o alívio, o fim do sofrimento, do calvário, do ano que não terminava, enfim…

Quem não foi a campo e assistiu a partida pela televisão revelou não ter sentido essa emoção. Quem não esteve em meio a contagiante torcida alvinegra, teve tempo e serenidade para pensar racionalmente, refletir e não se deixar levar pela emoção de ser corinthiano. Sim, porque muitas vezes nós comemoramos o fato de sermos corinthianos, de estarmos ali, qualquer coisa assim, coisa que só corinthiano entende.

O que ouvi e, honestamente, compartilho do pensamento desses corinthianos que não estiveram em Criciúma, foi que a comemoração ao final da partida, além do alívio, também remeteu aos pensamentos mais insólitos.

Ouvi que não foi fácil ver toda a imprensa parabenizando por esse título os mesmos incompetentes que afundaram o clube. E, convenhamos, subimos porque caímos.

Também contaram que parecia ironia ouvir o pessoal da mídia falando em planejamento, quando sabemos bem o que ocorre dentro do nosso clube e que estamos longe de ser modelo de gestão.

Disseram-me ainda que nossos jornalistas citaram o Corinthians como exemplo e que isso fez pensar nos exemplos que temos dentro do clube. Pessoas que ao longo deste ano participaram da gestão “modelo” e assumiram em conversas gravadas que prejudicaram o clube há vinte anos atrás e assim devem seguir fazendo. Pessoas que combinaram depoimentos que prestariam à polícia, coisa que, penso eu, num país sério deve render conseqüências jurídicas. Pessoas que venderam o nosso patrimônio – o futebol – para um bando (no sentido do dicionário jurídico mesmo) de russos. E por aí vai…

O que descobri é que boa parte da torcida concorda que ganhar era obrigação, pior seria se não ganhasse, no entanto, ao contrário do que pretendem os dirigentes do clube ao supervalorizar esse título, ser campeão da Série B não apagou a tristeza, a vergonha, a revolta e o sentimento de traição que os corinthianos sentiram e sentem por terem visto atirado à lama o gigante Corinthians.

Mesmo com o título, a Segundona só fez mal ao clube, como instituição e pior, parece estar servindo de plataforma política, por incrível que pareça, para os mesmos que nos atiraram nesse mar de lama.

Segundo palavras de um corinthiano absolutamente indignado mesmo ao fim da saga corinthiana pela Série B, ainda vai levar um tempo para nos livrarmos deste sentimento que é semelhante ao de um marido “corneado”, só que o Corinthians é a mulher que não se abandona.

Anúncios

14 Comentários so far
Deixe um comentário

O sentimento conheço bem, no “fraco” CORINTHIANS x parana clube, EM curitiba, senti o mesmo, alias vários comentaram que a torcida estava nesse sentimento aquele dia…
Sobre o final do jogo em si, sensação estranha, sei la, como quem reprovou de ano e depois passou…passou, mas perdeu um ano, não sabe quando vai recuperar se é que vai recuperar…
Várias analogias podem ser feitas desde o marido corneado, ate a sensação de alegria semelhante a de um parente saindo da prisão, enfim , uma sensação que vários CORINTHIANOS sentiram, e espero que não aconteça mais…
O combustivel do CORINTHIANS é emoção pura e se repararmos, no título de 2005 ja vi questionamentos dentro da torcida em relação a emoção, agora esse…
O que fizeram com nosso CORINTHIANS???

Larissa: Boa pergunta.

Comentário por marcelo

Os jogadores fizeram a parte deles e até o técnico que eu acho que tem uma visão limitada do que é Corinthians, tem razão quando diz que a vergonha foi cair, não ser campeão da série B.

Apesar da necessidade que o Mano demonstrou durante o ano todo em valorizar uma competição pífia como a série B, na hora da conquista compreendo o ímpeto dele em pedir que a torcida comemorasse sem ter vergonha, fora isso, os ratos que administram o clube e o levaram pra esse buraco, do qual estamos saindo, não tem direito algum de usarem esse mínimo que foi feito como palanque eleitoral.

Larissa: Concordo em gênero, número e grau.

Comentário por Paulo (Shadow)

O que nos resta é esperar. Ver o que acontece.

Se a atual diretoria é formada por pessoas que estavam na época da parceria e conseguiu trazer o clube de volta à Série A, tem seu mérito, mas não apaga os erros de outrora.

Mas é de se imaginar que possa haver arrependimento e mudança de atitudes, o ser humano pode mudar sua conduta e sua história.

Quanto aos sentimentos, como comentei antes, são imprevisíveis.

Lembro-me que em 1997, ao sairmos do Morumbí após o empate que nos deu o título paulista contra o São Paulo, em um jogo emocionante e com chances para ambos os lados até o fim da partida, ví uma enorme multidão indo embora numa atitude estranha e até certo ponto tranquila, sem grandes comemorações.

Na Avenida Paulista logo após, um clima semelhante.

Tudo é questão do momento histórico vivido.

Em 76, após a invasão do Maracanã, saímos de carro, eu e minha irmã pequenos, meu pai e minha mãe na frente, e era um buzinaço tremendo e, Sampa e gritávamos pela janela: é vice, é vice, é vice-campeão!!!

Mas essa queda e ascensão foram muito marcantes, se compararmos os times de 2007 e 2008, a diferença é gritante, tanto na qualidade como no empenho.

O jogo contra o Baruerí foi citado por alguns jogadores como o mais marcante da campanha, e eu estive no Pacaembú.
O time e a torcida lutaram contra um adversário de menor qualidade, com um e depois com dois jogadores a menos, que se acuou na defesa de maneira absurda, a ponto de o goleiro(que aíás estava pegando tudo) chutar os tiros de meta descaradamente pela linha lateral, a fim de ganhar tempo.

Mas apertaram e tentaram de todas as formas. O Alessandro em certo momento foi bater um lateral e o gandula sem querer jogou outra bola em campo. Ele correu em direção à bola e deu um bico pra fora, voltando rapidamente para bater o lateral.

Então aos 49 minutos o cerebral Douglas, com toda a calma (mesmo com toda a urgência que o cronômetro exigia), à partir da ponta esquerda, ergueu a cabeça e enxergou a chegada acelerada do André Santos, que pegou o cruzamento de primeira, marcando o gol da vitória.

Agora me digam quais eram o comprometimento, a qualidade e o empenho do time de 2007?

Acho que estamos no caminho certo, o que me preocupa um pouco é se conseguiremos reforçar o time logo.

Mas em 2008 também foi assim. Jogadores muito importantes como Douglas, Morais, Cristhian e Elias só chegarm com a temporada já em andamento, e vocês já imaginaram a dificuldade que teríamos sem eles? Ia ser duro de aguentar o Bóvio, o Perdigão e outros que teriam que jogar nessas posições, já que perdemos o Fabinho e o Acosta por contusão.

Acho que já me estendí demais, hehehe!!

Abraços,

Freeman.

Larissa: Pois é. Esperar pra ver, o pior, dentro das quatro linhas, já passou. Abraços alvinegros.

Comentário por José Freeman Junior

Vamos fazer um pequeno “brainstorming” pra entender a situação:

1) O que seria mais fácil, fazer uma campanha mediana na série A, correndo riscos de brigar pra não cair novamente, ou deixar cair (afinal de contas já tinha um culpado pra essa situação), jogar uma série B com time de série A, fazer campanha tranquila e voltar no ano seguinte?

2) O que seria melhor, brigar por verbas com os demais integrantes do Clube dos 13 em uma série A ou receber mais verba exclusiva por ser o único time grande na série B, ainda que nem toda essa verba vá 100% para o clube?

3) Politicamente, vale mais passar o ano em branco e equilibrar as finanças ou aumentar o endividamento porém ter um “título” pra comemorar e alavancar uma candidatura à reeleição?

Resumindo, Larissa: colocaram um bode preto chamado REBAIXAMENTO na sala dos corinthianos, para que os mesmos ficassem felizes ao se retirar o bode da sala. Só que os bodes defecaram pela sala toda, quem vai limpar a sujeira?

Larissa: E ainda tem o fato da punição pública que exigiam ao Corinthians, a CPI que estava pra ser instaurada enquanto a CBF disputava uma Copa do mundo, enfim…esse rebaixamento acabou sendo melhor pra todo mundo, abortando CPI e tudo mais, menos pra nós, claro, e consequentemente ao Corinthians, como instituição.

Comentário por Pachecão

Precisamos de um resgate urgente.
A questão principal, a meu ver, é a apatia política, e, como disse em vários blogs por aí, no momento da queda do Corinthians, a apatia não é monopólio dos corinthianos, mas um problema brasileiro.

Larissa: Precisamos de um resgate de valores, principalmente dos valores corinthianos. Isto sim.

Comentário por jeff

E havia a opinião de que, no final de 2007, cair seria “bom’…
Ajudaria a “limpeza”.
Bobagem – foi tudo armado para calar a manifestação “perigosa” da Fiel Torcida.
O timing foi quase perfeito. Entrou o tampão na hora certa, o time caiu, até o traidor do dualib não está mais associado…

Enfim, a Fiel Torcida deve se manifestar de forma contundente de agora em diante, a cada dia.
Fevereiro já chegou ao Parque São Jorge.

Dizem até que o tampão comemorou xingando quem questionava o fato de não acompanhar o time em Criciúma. Ele estaria, neste momento, em um boteco-chique na Vila Madalena…

Sabemos que o mandato do tampão é ‘inconstitucional’. Ou a Fiel se manifesta ou continuará ali ele, o compadre dele (que diz que até vende Dentinho por menos, num sinal claro de que limpa a bunda com o “profissionalismo” que lhe foi atribuído), e toda essa corja, a começar pelo próprio CORI.

CHEGA DE GOLPISMO

Beijos, caríssima blogueira.

Larissa: Razões pelas quais lutar, não faltam…
Precisamos acordar e mãos à obra!

PS: Adorei o nome do seu blog. 😉

Abraços alvinegros.

Comentário por Filipe

Bom, é como se vem falando até agora: ganhamos o acesso, vencemos a série B, muito bom, mas agora é pensar na frente e cuidar de fiscalizar o clube para que não passemos de novo pela vergonha do descenso.

Larissa: É isso aí…

Comentário por Rodrigo

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/Brasileirao/Serie_A/0,,MUL853829-9827,00-NUM+BRASILEIRAO+SEM+ERROS+DE+ARBITRAGEM+GREMIO+ASSUMIRIA+A+LIDERANCA+DA+TAB.html
Muito boa essa analise do site globoesporte.com,esse campeonato teve muito mais favorecimento da arbitragem do que qualquer outro camponato que já se passou.
Mas como não tem “erro”que favoreça ao Corinthians ninguem falará nada.

Larissa: Exatamente, Marcelo. Cansei de discutir sobre isso, de escrever pra Federação, etc e tal.

Comentário por Marcelo Firmiano

Ia escrever exatamente isso no meu blog, não tão bem, claro. Então prefiro endossar suas palavras, muito bem concatenadas. Pessoal precisa manter em mente que o atual presidente vendeu a alma do Corinthians para o diábo a troco de sua re-eleição. A série B foi obra dele, pessoal e intrasferível.

Larissa: Sintetizou perfeitamente, Lou. Abraços alvinegros.

Comentário por Lou

É isso ai Larissa, é muito legal estar no estádio qdo uma festa assim é comemorada, principalmente, pelos jogadores, eu ví pela TV, a imagem do lulinha comemorando, a um estilo bem forçado isso me deixou com o sentimento de que essa diretoria realmente quer nos fazer de bobos, não gosto de me sentir massa de manobra, acho que quase todo mundo não gosta, porém alguns não percebem o que acontece nas entrelinhas dos acontecimentos, tenho certeza que vc sabe o porque o corinthians caiu, assim como eu sei, a torcida está de parabens e isso sempre será assim, mas estão usando nossa paixão para alavancar essa conquista como se fosse algo estraordinário, o que na verdade eterniza essa vergonha que foi série B, ao menos subimos na bola o que já é muito gratificante, eu realmente espero uma mudança radical em 2009, que julgo ser o ano da redenção, aqui no blog apareceram idéias muito boas para administrar a marca corinthians, então realmente faltam pessoas com boa fé e verdadeiramente corinthianas, querendo somente o bem do clube, sabe o que digo. fica com Deus muleca se cuida e Vai Corinthians.

Larissa: Nada mais fácil do que se utilizar da paixão (que cega) do povo. É assim que acontece nos mais diversos setores. Enfim…
PS: Muleca?! 😉
Abraços alvinegros.

Comentário por Toel

Comemorei pacas. Acho que quem tá ccom vergonha de comemorar fica em casa, certo?

Vergonha ja passei quando caiu viiiiige, com aquele time de baladero do Braga e do Dualib.

Larissa: Costumo pautar a minha vida por aquela expressão: “cada um pede o que gosta”. É bem por aí, só não vale comemorar achando que foi um Mundial, que tudo vai bem, etc e tal, porque aí já não é uma questão de livre escolha, é alienação.

Comentário por TôFicandoRouco

Larrisa, vou dizer uma coisa que muita gente não vai gostar: É preciso perder o complexo de vira-lata. Assisti a conquista do campeonato pela TV e também fiquei apenas com a sensação do dever cumprido, quem estava no estádio obviamente viveu outro clima, ao vivo tudo é diferente e muito mais legal. Mas acho que este ano temos muito que comemorar, apesar da segunda e apesar da diretoria. Neste ano tivemos o maior patrocino do futebol Brasileiro, mesmo estando fora da elite. Conseguimos na audiência agregada, maior índice de ibope que a Seleção contra a Argentina, a globo até alterou sua programação aos sábados e preteriu não apenas a final da libertadores, como também jogos de Palmeiras e São Paulo para mostrar o Timão. Sem nós a maior rede de tv do país está amargando a pior média de ibope em muitos anos na série A e ela sabe que é por nossa causa. Na grande mídia fomos destaque diário, até pelo fato de muitos jogos serem nos sábados, as capas de jornais no domingo invariavelmente estampavam o Timão, os programas esportivos que mal davam o resultado da série B, foram obrigados a abrirem espaço para nós. Batemos recordes, de renda e público em quase todos os estádios por que passamos, o time era recebido com pompas de seleção. Vamos manter o segundo posto no ranking da CBF e, mais importante, nos tornamos o maior vencedor de títulos nacionais desde 1971 quando a entidade praticamente se “oficializou”, agora são 4 Brasileiros da A (90, 98, 99, 05), 2 Copas do Brasil (95, 02), 1 Supercopa do Brasil (91) e finalmente o oitavo título que é o da segundona, não valeu nada para alguns, mas é um título nacional oficial da CBF. Então eu vou comemorar sim este ano, vou comemorar levando uma cervejinha para o porteiro sãopaulino do meu prédio que gritou quando caímos “Isso é melhor que o são paulo campeão, quero ver a globo ainda mostrar jogo desse timinho!”, mal sabia ele.
Não sinto orgulho por ter disputado a segunda, mas sinto orgulho do meu time que mostrou que é bem maior do que imaginavam. Agora, nada disso graças a nossa diretoria, ela fez apenas a sua obrigação, levar o time de volta de onde ele estava quando ela assumiu.

Larissa: Boa análise, concordo. Abraços alvinegros.

Comentário por David Emmanuel

Eu costumo pautar a minha vida torcendo pro Timão, em qualquer circunstância e quando ele ganha, eu ganhei. Falou ?

Achar que cair prá segunda foi bom? Melhor do que subir? Qual é? Cair foi a vergonha que eu quero esquecer pra sempre.

Torcer prá perder só porque naum vou com a cara do cartola de plantão? tô fora.

Prefiro ser alienado do que torcer pra cartola.

Sou Corinthians até em jogo de botão.

Vai Timãaaaaaao

Larissa: Para quem é a bronca, afinal? Porque aqui ninguém torceu pra cair. Aqui só tem uma blogueira, corinthiana que, por muito pouco, não foi parar num hospital em Porto Alegre, onde aliás, só não fui porque não queria ficar mais um minuto naquela cidade.
Também não torço para cartola, pelo contrário, aliás. No máximo, torço para os que temos serem extintos. E isso, exatamente, porque sou Corinthians e quero vê-lo sempre maior e não rebaixado em nome da incompetência e safadeza dos cartolas.

Comentário por TôFicandoRouco

É o que eu falo. Conseguir voltar para a Série A no campo é uma bela conquista, mas cair para a segunda divisão é uma grande vergonha.
Valeu e visita o meu Blog.

Larissa: Por nada, a recíproca é verdadeira. Abraços alvinegros.

Comentário por saulo




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: