Corinthians: Preto no Branco


Para Refletir
dezembro 27, 2008, 2:14 pm
Filed under: Uncategorized

Quando o combinado não sai caro nem se descumprido

Por Paulo Ferreira

Talvez não seja um exercício simples aceitarmos que individualmente somos feitos de idiotas no nosso dia-a-dia, mas, ainda assim, certamente é algo muito mais simples do que esperarmos esse grau de clareza em massa.

O indivíduo pode até não ser tão direto em reconhecer que é feito de idiota, mas em seu íntimo, em diversas situações, acaba tomando as providencias cabíveis para evitar que o fato se repita, salvo em casos onde se vê obrigado a se sujeitar e lidar com engodos inevitáveis, o que muitas vezes chamamos de “jogo de cintura” e que não necessariamente significa que o sujeito não esteja ciente e se mordendo de raiva por isso.

Já em massa a coisa é mais complicada, se há uma verdade na frase “duas cabeças pensam melhor que uma”, obviamente há uma verdade ainda maior oculta por trás de tal frase que é o fato de que duas cabeças pensam melhor que uma SE ambas tiverem capacidade de raciocínio acima de determinado grau, de forma que uma acrescente a outra ao invés de atrasar.

Pode parecer estranho, mas não é mais difícil enrolar um conjunto de pessoas do que um único cidadão ingênuo.

Por mais humilde que seja, depois de repetidas situações uma pessoa é capaz de perceber que as coisas parecem mais complicadas pra ela do que para os que estão a sua volta, já em massa a coisa é diferente, se num grupo de milhões tiverem centenas com a percepção de que estão sendo embromadas, ainda restam milhões que vão estar olhando em volta e notando que o cara a seu lado está na mesma barca que ele, de modo que algo que possa estar incomodando alguns poucos insatisfeitos nada mais é do que uma situação natural para a maioria, então tudo bem!

Pra colocar o Corinthians no meio da história é preciso falar de uma diretoria, que se teve um grande mérito em 2008, foi o de saber lidar com a ignorância alheia, e pior, ignorância em massa.

Na verdade não houve uma grande novidade no método aplicado, apenas um aperfeiçoamento do modelo antigo.

A longa gestão Dualib já havia ensinado que para um clube de futebol a crise só existe na ausência de resultados e a administração Andrés Sanchez fez uso brilhantemente dessa máxima no ano em que o Timão teve a missão mais fácil e garantida de toda a sua história.

Foi feito apenas o mínimo que se esperava, o “plus” não veio quando deixamos escapar a Copa do Brasil, mas isso não afetou o torcedor que já havia adentrado 2008 doutrinado sob a frase que de tanto ser repetida acabou se tornando verdade: “o que interessa pro Corinthians em 2008 é a série B”.

Com a meta que foi passada ao torcedor como sendo a ideal sendo alcançada em campo, os engodos foram todos sendo absorvidos.

Não importa se uma administração que começou a temporada alardeando que transformaria um rebaixamento em mina de ouro não atingiu seu objetivo de diminuir significativamente a dívida, até porque, pra isso bastou jogar ao público o também engodo de que a dívida teria diminuído um pouquinho… Agora vejam bem: a massa se contentou com a “suposta” diminuição de um pouquinho da dívida, não precisaram nem inventar que diminuíram muito.

Entre diversos casos, tivemos lá por volta de um no atrás, a fantástica fábula de que o Timão pediria 100 milhões pela transmissão da série B, alguém lembra disso ou de tão absurdo virou algo surreal?

E quem não se lembra do mágico mês de Maio, que seria quando o dinheiro começaria a cair na conta e os reforços de peso chegariam? Mas hoje quem liga? Afinal o Corinthians cumpriu sua missão mesmo sem os tais reforços ao realizar o que qualquer criança de 5 anos imaginava que o clube fosse fazer nessa temporada, que era voltar pra série A.

Ah! Verdade… Não vamos esquecer que pintaram um quadro de como se o acesso tivesse sido conquistado de forma invicta com uma média de goleadas de 6 X 0 por rodada.

Para concluir:

A maiorias das pessoas não se incomodam em serem feitas de idiotas se o objetivo final, ainda que seja uma conseqüência natural, for alcançado.

Dane-se a palavra dada e não cumprida, mesmo que a intenção jamais tenha sido a de cumpri-la realmente, confiando apenas na memória seletiva do povo.

Se no final der certo, poucos vão lembrar mesmo e desses poucos menos ainda se importarão, já se der errado, aí deu errado mesmo e a bronca é geral, de modo que se preocupar com questões passadas seria o menor dos problemas.

Numa sociedade onde o fornecedor não tem o material em mãos e mesmo assim promete que vai entregar, ou o SAC da TV a cabo te dá uma previsão de volta do sinal, mesmo sem terem a mínima idéia de um horário real, não é de se espantar que a maioria da torcida consagre a atual diretoria do Sport Club Corinthians Pta. numa administração marcada por jogar palavras ao vento e criar expectativas que vão caindo no esquecimento a cada nova expectativa lançada sem a real intenção de se fazer acontecer.

Como disse Shakespeare: “As palavras são como os patifes desde o momento em que as promessas os desonraram. Elas tornaram-se de tal maneira impostoras que me repugna servir-me delas para provar que tenho razão.”Eu como acho que o combinado não sai caro somente se for cumprido, de preferência sem ter de ser lembrado ou cobrado, e não gosto de populismo, nem de ser feito de trouxa pelo fornecedor que promete a entrega sem ter o material, pelo atendente da TV a cabo que me dá um horário que não vai cumprir, ou pela diretoria que joga palavras ao vento esperando que a expectativa criada seja esquecida conforme os dias passam, ainda concluo o texto com mais uma citação, dessa vez de Henry Miller:

 

”Se você não conseguir fazer com que as palavras trepem, não as masturbe.”

*Texto retirado da comunidade da blogueira no Orkut.

CORINTHIANOS


21 Comentários so far
Deixe um comentário

Olha Larissa,

O Corinthians, até o balancete de novembro (último publicado), reduziu a dívida líquida (ativo – passivo) em aproximadamente 5,2 milhões, o que dá uma redução aproximada de 5% da que a Administração Dualib deixou.

É realmente muito pouco o que se conseguiu, mas não se pode esquecer que nem tudo na administração passada era registrado. Então parte da dívida paga este ano não aparecia no balanço de 2007.

O balanço final ainda não foi divulgado, mas dá pra perceber que mesmo com as dívidas fantasmas que foram pagas, ainda assim a redução foi bem aquém do que se esperava. Isso está no site do Corinthians e pode ser conferido por qualquer dos “idiotas”, como se refere desrespeitosamente o autor à torcida Corinthiana.

O que o autor se esquece é que um time de futebol não é administrado da forma com que se administra uma empresa.

Eliminar a dívida do Corinthians é tarefa fácil para qualquer administrador saído recentemente da faculdade. Mas acabar com a dívida e, ao mesmo tempo, montar um time competitivo para ganhar títulos é onde mora o desafio.

Se perguntarmos à torcida “o que vocês preferem, acabar com a dívida ou ganhar o brasileirão?”. Todos vão preferir ganhar o brasileirão, e vou mais longe: a resposta será a mesma para todas as torcidas, não só para os torcedores “idiotas” do Corinthians.

A dívida do Corinthians (disponível no site para qualquer “idiota”) é elevada sim. Mas não mais elevada do que muitos outros tantos clubes, cujos torcedores não são “idiotas”. E é plenamente administrável. Como dizia o Delfim Neto, “dívida não se paga, se administra”.

Reafirmo que os torcedores do Corinthians não somos idiotas. Sabemos muito bem o que está acontecendo e não precisamos de outro idiota para nos mostrar o que está a nossa frente.

Larissa: Caro Luís, vou lhe pedir que leia um texto que escrevi no blog anteriormente: https://larissabeppler.wordpress.com/2008/09/04/conta-estranha/ que explica, sob a minha ótica, o que acontece com os balancetes. É muito difícil que a dívida tenha diminuído com tantos empréstimos adquiridos. Ocorre que em balancetes é possível passar essa impressão, afinal, as parcelas de empréstimos não entraram nos balanços de 2008. Concordo em partes com o seu comentários, mas há muitas outras considerações a serem feitas e o autor, que é pessoa de meu convívio, fala das promessas que foram feitas, como se fosse fácil realizar tudo isto e não passavam de balelas.

Comentário por Luís Carlos

Segunda vez que entro no blog, já leio uma opinião pra lá de clara sobre a parceria e mais esse post agora. Mulher, parabéns!!! Disse outro dia que ganhaste um leitor, agora te digo que gostaria que mentes como a sua estivessem agora lá, no nosso amado Corinthians.
Mas, por dever de ofício, sei algumas informações de como funcionam e o que começarão a render as lojas Poderoso Timão para o Todo Poderoso real. E as coisas vão indo de vento em popa…para o Corinthians!!! E ninguém diz nada!!
Tenho até medo de dizer, mas começo a pensar que a partir de 2009 teremos muitas alegrias…

Larissa: Por certo que deveríamos ter muitas alegrias em 2009, dependemos só de nós mesmos para isso: uma administração decente, uma torcida consciente e uma bela atitude de boicote com todo e qualquer anti-corinthiano da mídia que sobrevive de inventar factóides sobre o clube, jogador, torcida, etc… Obrigada pelo carinho… Abraços alvinegros.

Comentário por Carlos

Este texto é muito bom… Parabéns ao autor!

Larissa: Concordo plenamente. Abraços alvinegros.

Comentário por Fábio Suzkünst

Primeiramente gostaria de agradecer você Lara por ter postado algo referente ao que eu tinha lançado no comentário anterior.
Eu acho que em se tratando de política ou até mesmo de sociedade sempre haverá promessas indagadas e não cumpridas, em alguns casos promessas em que o “prometedor” jamais pensou em fazer algo para concretiza-las. Utilizar de promessas mentirosas para sustentar-se no poder acho quem eu não me lembro um governante ao longo da história do Brasil que não a fez. Acho que você filtra certas promessas é o unico modo de ser menos enganado.
O problema maior em uma administração sem dúvida é o desvio, o famoso roubo, não sei se a atual diretoria vai cometer ou já cometeu tal ato nos cofres magros do Timão.

Larissa: Uma coisa é certa: agora está mais difícil cometer desvios, mas não é impossível e, portanto, à torcida e associados cabe fiscalizar a administração do Timão, ao invés de apoiar ou contrariar. FISCALIZAR. Abraços alvinegros.

Comentário por Rodrigo Furtado

Bonito texto, pena que tem um fundo político e partidário.

A coisa em se tratando de massa é mais complexa do que propõe o autor. Quando se tem um objetivo primordial que representaria a redenção para uma nova perspectiva de vida, isso me parece uma cobrança fora de hora.

Tudo tem seu momento de ser cobrado e analisado e em se tratando de futebol, um esporte coletivo, onde toda interferência externa pode alterar a rotina e união de um grupo, tem que ser levada em conta.

Quando se lida com um grupo de pessoas que tem em mente um determinado fim, não é plausível desviar um foco que teria que ser atingido nem se a terra fosse explodir daqui a três meses.

Depois que passado tudo, e o tal objetivo foi atingido, me soa como oportunismo politico esse texto, que nos faz pensar “qual seria a virtude desse esporte se não fosse popular”?

A intenção foi unir a massa em torno de um objetivo primordial, se um tropeço no decorrer não fosse bem administrado, os intenpéries que um time apaixonante produz, falariam alto e bem alto.

Se isso tivesse acontecido, esse texto cairia bem como a última pá de cal. Como sugere o autor, “as palavras tem que ser analisadas e não vomitadas ao vento”.

Larissa: Conheço o autor do texto, pessoa de meu convívio diário e lhe garanto que o texto não tem nada de político e partidário, pelo menos sei que essa não é a intenção. Sei também qual o real intuito do mesmo: desabafar tudo o que foi guardado e engolido a seco neste ano de 2008, infelizmente. Coisa que o autor realizou com primor, sem precisar de apelações ou ufanismos. Abraços alvinegros.

Comentário por Rogério

Lara, mesmo não concordando com alguns pontos do texto, parabéns pela publicação. Não só você que supera a cada texto, mas também as pessoas que aqui frequentam, são bem diferenciadas da maioria dos outros blogs. Alguns assuntos nem há o que comentar pois algum blogueiro já colocou aquilo que se queria.

Acredito que em 2009 seu blog irá crescer muito, o Corinthians precisa de pessoas como você, coerentes e interessadas no bem do time, não importando se quem está la é fulano ou cicrano. Se acerta, palmas e elogios, se erra, vais e cobranças.

Corinthianos abraços.

Comentário por David Emmanuel

Ele caberia melhor em um ano menos trumático e delicado, mas cobranças para o bem do clube tem de haver sempre.

Nossa torcida não é idiota como diz o autor, é consciente e muito.

Saudações mosqueteiras !

Comentário por Rogério

Mas parabéns pelo texto, como disse o amigo acima, seu blog é diferenciado e com ele aprendemos muito a cada dia. Ninguém é o dono da verdade e é através de troca de informações que evoluímos.

Saudações Mosqueteiras !!

Comentário por Rogério

Então Larissa, adianto logo que não fiz nenhuma auditoria nos balancetes apresentados pelo Corinthians, o que quero dizer é que a dívida aumentou. O que foi reduzida é a dívida líquida, que é o valor dos ativos, menos o valor do passivo.

A maior parte da dívida foi renegociada, ou seja, tomou-se empréstimos para quitar uma outra dívida, como você mesma pôde perceber. Também houve empréstimos a título de adiantamento de receitas futuras, como cotas de tv e até de bilheteria. Isso é ruim como a imprensa vem noticiando? Não necessariamente. Dependendo dos juros cobrados pode ser melhor que tomar um empréstimo. Quem nunca pediu um adiantamento da restituição do Imposto de Renda pra pagar dívidas com cartão de crédito ou cheque especial, que possuem juros mais elevados?

Sobre as promessas, é claro que todo mundo não deixa de fazê-las. Até os mais bem intencionados. Quem tá de fora acha fácil mesmo. E acho que temos que acreditar (ou torcer por) nessas promessas. Eu sempre acredito nas pessoas até que me dêem motivo pra não acreditar

O que quero dizer é que todo mundo pode ter acesso a essas informações, mesmo que sejam imprecisas. Ninguém está sendo enganado.

Olhando os números pode-se tirar as conclusões que se queira tirar. Alguns vão achar que os números mostram uma situação péssima; outros vão achar que a situação está ruim, mas poderia estar pior; e outros vão achar que a situação está boa.

E não é porque algum eventual torcedor tem opinião diferente da do autor que ele é um idiota. Ele tem sua opinião e o torcedor tem a dele.

Da mesma forma que o autor denuncia a manipulação de dados com o intuito de mascarar uma administração (na opinião dele) ruim, ele tenta manipular a opinião do leitor “idiota”, que acha que tudo é um mar de maravilhas, fazendo com que ele passe a considerar a administração do Corinthians – desculpe o termo – uma bosta.

Manipulação é manipulação. Não há melhor nem pior.

Desculpe o tom um pouco ácido, mas estou farto de gente que se acha mais inteligente que os outros e por isso está sempre diminuindo a capacidade intelectual e de discernimento das pessoas que manifestam opinião diversa.

São os mesmos tipos que aparecem na tv fazendo cara de intelectual e dizem: “brasileiro não sabe votar”. Cada um vota em quem quiser, oras!

Comentário por Luís Carlos

Nao sei nao Larissa. Conhece aquela de cachorro mordido de cobra tem medo de linguiça?

Pelo discutido no post da MSI, e como voce pede para refletir, to achando que estao falando tanto mal da diretoria que acho que no fundo eh porque ela eh boa.

Tambem nao acho que a torcida eh idiota.

Nessa o cara foi bem mal, e nem um pouco modesto, pelo contrario achei ate bambi demais pro meu gosto.

Fala pra ele que ate eu que sou torcedor idiota quero diretoria que nao roube, ou so ele que quer isso?

O Rosemberg eu assisti a uma entrevista e achei “o cara”.

Nao acho que eh desonesto nao.

E pra finalizar acho que se no começo de 2008 esse Paulo fosse chamado para decidir o que fazer tinha borrado as calças com o peso da responsabilidade.

Falar eh muito facil.

Caramba! ate quando as coisas vao bem aparecem esses caras para zicar???????

Comentário por ToFicandoRouco

Pessoal, não se ofendam por palavras fortes.

Eu poderia ter sido hipócrita e usado termos mais leves do que a palavra “idiota” que algumas vezes aparece no texto, porém, sejamos realistas, pessoas que se deixam enrolar existem aos montes em todas as torcidas e em toda sociedade.

Acho que é um falso moralismo as pessoas se mostrarem ofendidas porque supostamente eu possa ter atingido uma parcela da nossa própria torcida e em outros aspectos do texto até da sociedade em geral.

Por isso mesmo, não adianta aparecer torcedor rival nesse espaço pra achar graça dos termos do texto porque, com o perdão da expressão, se alguém acha que no meio da torcida do proprio time, ou das demais torcidas todas não existem idiotas, esse cara é apenas mais um que faz parte dessa classe e prova isso pela falta de bom senso em acreditar que num grupo de milhões de pessoas só existam gênios.

Qualquer um que pense assim é hipócrita, sejamos francos.

Uma média desnecessária num texto pode muitas vezes prejudicar a clareza do mesmo.

No mais, eu falo sobre a diretoria em diversas situações factuais ter usado e abusado da tática de enrolar a todos nós torcedores, tentando num português bem claro, nos fazer de idiotas.

Aceitar esse papel ou não é opcional e vai de cada um.

Abraço!

Comentário por Paulo (Shadow)

Bom Paulo, agora explicou melhor. Se eh verdade que no meio de um monte de torcedor tem alguns idiotas, tambem eh hipocrita quem afirma que toda a diretoria nao presta. Tambem tem idiota no meio de quem escreve.
Quem acha que no meio de todos os que escrevem so existem genios…eh hipocrita igualmente sejamos francos.
Mas dou um desconto. Nesse pais como diz o Lula, todo comentarista tem sempre a soluçao na cartola.
Justamente por existirem muitos comentaristas enganadores, eh que cachorro mordido de cobra tem medo de linguiça.
Quando eh verdade e quando eh chute? Eis o problema.

Comentário por ToFicandoRouco

Ótimo texto do Paulo.

O problema é que teve blog usando o texto como se o mesmo compartilhasse as mesmas idéias do autor.

Já que no blog em questão muitos de meus comentários são censurados (e pasmem! Não contém um palavrão sequer, nem ofensas pessoais. É pelo simples fato de expor algumas coisas e o dono do blog não ter poder de argumentação), aproveito para deixar claro que o autor do texto e o dono do blog são pessoas completamente diferentes (ainda bem), com idéias não tão semelhantes como podem parecer em primeira vista.

Para o autor do texto, o mais importante é o Corinthians e discussão de idéias possivelmente contrárias às suas.

E isso automaticamente já o diferencia do dono do blog.

São pessoas diferentes. Turmas diferentes.

Isso faz toda a diferença.

Comentário por Ricardo Labajos

Po cara. Num ano so pagou 8 mi de euros do Nilmar, divida com Leao, com Passarela, com Renato e um monte de rolo do Dualibh, so nao ganhou a copa do Brasil porque a m…. do juiz nao deu um penalti vergonhoso no Acosta no fim do jogo, subiu pra primeira com um pe nas costas.

To achando que tao eh procurando pelo em ovo.

O que queriam? Dinheiro sobrando, classificaçao para libertadores, classificaçao com 40 ponto na frente?

Agora em 2009 se ganhar o Paulista vao falar que eh bosta, se classificar pra Liberta, vao falar que eh obrigação.

Quando eh que vai parar essa zicaçao? Ja nao chega a gozaçao da bambizada ainda temos que aguentar pedrada de companheiro cara?

Comentário por ToFicandoRouco

Galera,
Sóo uma pergunta:
Souza por R$ 7.000.000 (eu achava o Herrera melhor)
Kleber por 18.000.000, sendo 11 a vista pro dínamo.
De onde vem o dinheiro?
Acho cada dia mais que essa rescisão com a MSI é só pra inglês ver…

Comentário por Alexandre Baseggio

O texto é interessante. Mas contém alguns equívocos.Ficaria melhor aplicado se fosse escrito numa outra época.

Mas faz parte da democracia, da bendita, sonhada e tão festejada liberdade de expressão.

Existe apenas e tão somente um Corinthians.

Não é o Corinthians dos blogs, nem dos Orkuts, nem dos Painéis ou da imprensa em geral. É aquele, onde tudo acontece, na Rua São Jorge, 777, que nesta administração possibilitou que gente nova fosse agregada, com novos ideais, que comete erros, acerta, erra, mas dá a cara a tapa, não se esquiva, não se esconde, que pode ser encontrada caminhando nas alamedas do parque, batendo uma bolinha nos campos, almoçando no restaurante e também vibrando nas arquibancadas – ou numeradas, como queiram. Gente que seguirá renovando, com transparência, não importando quem esteja no poder.

Este é o Corinthians que eu vejo, que eu sinto e que eu vivo intensamente.

O Corinthians campeão da A2 com muito orgulho – sim, com orgulho, se é Timão é com orgulho, do Corinthians segundo no Ranking da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, o Corinthians da molecada das categorias esportivas de futsal, futebol, basquete, hand, artes marciais, do Corinthians do mais democrático estatuto entre os clubes brasileiros (que tanto tentam desdenha-lo e pasmem, até impugná-lo, por gente que sente calafrios por viver na democracia) do Corinthians que publica praticamente tudo do seu dia-a-dia no seu site, inclusive balancetes e balanços, do Corinthians de Dentinho, Felipe, tantos outros e mais Ronaldo.
Este é o seu, o meu, o nosso Corinthians.

Corinthians é Corinthians.

Comentário por blogdosilvinho

Larissa, desculpe postar essa mensagem, mas sei que muitas pessoas frequentam o “Blog do Paulinho” e vi um comentarista falando que tinha mensagens recusadas pelo referido blog.

O mesmo acontece comigo, gostaria de postar a mensagem aqui, apenas como forma de desabafo.
Quem sabe não serei publicado e respondido.

Em relação ao seu blog Larissa, meus Parabéns. Não concordo sempre com você, mas gosto do debate realizado aqui, com ideias para melhorar o clube e não apenas a crítica pela crítica

Minha mensagem foi:

Eu já mandei essa mensagem hoje, mas por algum motivo não foi publicada, mas vou insistir.

1)O que você acha do Estado Democrático de Direito? O que você acha das pessoas só serem consideradas culpadas após o transito em julgado da senteça?

2)O que você acha do fato da MSI não ter sido condenada até hoje?
Parecer favorável do Ministério Público a condenação não siginifica condenação

3)Porque você fala que pessoas sao corruptas antes delas serem condenadas pela justiça?

4)Porque muitas vezes você faz acusacões e não mostra as provas?

Discordo do tipo de jornalismo que você faz, mas quero te desejar um Feliz 2009.
E o mundo é assim, opiniões diferentes são importantes, sendo que temos que respeitar que pensa diferente de nós e nao chamar de alienado ou que acredita em “papai noel”.

Comentário por Rafael

Lara, gostaria de participar da CORINTHIANOS no orkut…

Me diz se posso “join the community” ?

Comentário por Marcelo

FELIZ ANO NOVO E MUITO SUCESSO NA SUA VIDA.

UM GRANDE ABRAÇO DO PAIXÃO BOTAFOGUENSE

SAULOBOTAFOGO.BLOGSPOT.COM

Comentário por saulo

Cara Larissa,

Conheci o blog a pouco tempo e gostei bastante. É sempre bom ter novos espaços interessados em discutir o Corinthians e o futebol em geral de forma decente. SObre o texto, claro que o autor tem direito à sua opinião e, como ele mesmo argumentou, as palavras fortes são para dar uma idéia mais clara do que ele esta sentindo. Mas não sei se a administração é tão mentirosa e do mal assim. Parece que os resultados em termos administrativos/financeiros são razoáveis, como disse o Luiz Carlos acima.

E dentro de campo, pelo menos de minh aparte, não esperava nem passar do Botafogo na Copa do Brasil. Na verdade, quando perdemos o primeiro jogo do Goiás, com o time mostrando um futebolsinho mequetrefe, achei que já tinha ido o boi e a corda. O primeiro semestre era de preparação mesmo, o vice da Copa foi lucro. Mas terminamos o ano com perspectivias muito melhores do que eu via já há alguns anos, com um time montado, uma faxina no elenco e a contratação de reforços antes do início da temporada. Coisa rara no Timão que eu conheço.

Sobre as promessas toscas como os R$ 100 milhões nas cotas de TV, são memso toscas, e nunca as vi de forma diferente. Mas se eu estivesse no lugar dos caras talvez fizesse o memso. Jogaria um monte de factóides babacas como esse, a Timão TV, bichinhos de pelúcia e outros trens, manteria a mídia ocupada enquanto ia trabalhadno devagar nas coisas que interessam. As contratações são uma prova dessa capacidade de lidar com infgormação: nenhuma foi atravessada e os valores se mantiveram decentes (fora essa do Escudero, que ainda tem que me explicar poruqe foi tão caro). Em geral, é o Corinthians falar que tem interesse e o preço vai para a lua e o negócio vai pro brejo.

Sei lá, não acompanho o Parque São Jorge tão de perto, mas daqui de onde vejo, parece que há um esforço da administração para errar pouco e trabalhar com o que interessa. Não sou de confiar nessas coisas, mas que podemos fazer além de, parafraseadno a Bíblia, torcer e vigiar?

Parabéns de novo pelo blog e Feliz Ano Novo para você e todo mundo que passar por aqui!

E que 2009 seja um belo ano para o Timão! Acho que essa possibilidade hoje é bem plausível.

Abraço!

PS.: Quem se interessar, a uma passada no Futepoca, blog “ecumênico” que eu faço com uns amigos – http://www.futepoca.com.br

Comentário por Nicolau

Rafael.

Me solidarizo com você.

Sabe o que acontece?

Quando vc não tem a resposta para uma pergunta ou percebe que alguns dos seus críticos tem certa razão, o silencio as vezes é a melhor respota.

E talvez, pra vc, a não publicação dos seu comentário deixou clara as respostas de suas perguntas.

Comentário por Ricardo Labajos




Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: