Corinthians: Preto no Branco


Todas As Mulheres do Mundo
março 8, 2009, 1:10 am
Filed under: Uncategorized

Mulherão

Por Martha Medeiros

Peça para um homem descrever um mulherão… Ele imediatamente vai falar no tamanho dos seus seios, na medida da cintura, no volume dos lábios, nas pernas, no bumbum e na cor dos olhos. Ou vai dizer que tem que ser loira, 1,80m, siliconada, sorriso colgate. Mulherões, dentro deste conceito, não existem muitas: Vera Fischer, Letícia Spiller, Malu Mader, Adriane Galisteu, Lumas e Brunas.

Agora pergunte para uma mulher o que ela considera um mulherão e
você vai descobrir que tem uma em cada esquina. Mulherão é aquela que pega dois ônibus para ir para o trabalho e mais dois para voltar, e quando chega em casa encontra um tanque lotado de roupa e uma família morta de fome.

Mulherão é aquela que vai de madrugada para a fila garantir matrícula na escola e aquela aposentada que passa horas em pé, na fila do banco, pra buscar uma pensão de 100 reais mensais .

Mulherão é a empresária que administra dezenas de funcionários de Segunda a Sexta, e uma família todos os dias da semana.

Mulherão é aquela que sai do trabalho e vai para a faculdade estudar
até à meia noite para ter uma vida mais digna. Mulherão é aquela que volta do supermercado segurando várias sacolas, depois de ter pesquisado preços e feito malabarismo com o orçamento.

Mulherão é aquela que se depila, que passa cremes, que se maquia, que faz dieta, que malha, que usa salto alto, meia-calça, ajeita o cabelo e se perfuma mesmo sem nenhum convite para ser capa de revista.

Mulherão é aquela que leva os filhos à escola, busca os filhos na escola, leva os filhos para a natação, o balé, leva os filhos para a cama, conta histórias, dá um beijo e apaga a luz.

Mulherão é aquela mãe de adolescente que não dorme enquanto ele
não chega, e que de manhã bem cedo já está de pé, esquentando o leite.

Mulherão é quem leciona em troca de um salário mínimo, é quem faz serviços voluntários, é quem colhe uva, é quem opera pacientes, é quem
lava roupa para fora, é quem bota a mesa, cozinha o feijão e, à tarde,
trabalha atrás de um balcão. Mulherão é quem cria os filhos sozinha,
quem dá expediente de 8 horas e enfrenta TPM, menstruação e menopausa.

Mulherão é quem arruma os armários, coloca as flores nos vasos, fecha
a cortina para o sol não desbotar o sofá , mantém a geladeira cheia e os cinzeiros vazios. Mulherão é quem sabe onde cada coisa está, e qual é o melhor remédio para azia.

Lumas, Brunas, Carlas, Luanas, Sheilas: mulheres nota 10 no quesito “lindas de morrer”, mas Mulherão é quem mata um leão por dia para sobreviver.

 

Escolhi este texto de uma grande mulher, para homenagear todas as mulheres, guerreiras do mundo, que com suas mãos, palavras, sorrisos e ideias, fazem deste um lugar melhor para se viver!

Ziraldo e o Timão apostaram na máxima “uma imagem vale mais do que mil palavras” e assim surgiu a mosqueteira, em homenagem às corinthianas. A intenção é apresenta-la hoje, antes do início do clássico, no Dia Internacional da Mulher.

mosqueteira-do-timao

Anúncios

9 Comentários so far
Deixe um comentário

Muito bom esse texto da Martha Medeiros!! Classificaria principalmente todas as mães como mulherões!

Larissa: Com certeza, as mães, razão de nossa existência, são mulherões e merecem, muito mais que um dia de homenagem, mas todos os dias dos anos de nossas vidas. Abraços alvinegros.

Comentário por Renato Benicio

Larrisa, muito feliz de sua parte colocar esse texto da Martha Medeiros, ele é muito legal e deve ser lido e refletido por Mulheres e homens.

Parabéns e apesar de te conhecer apenas por um blog, não posso evitar de falar o que todos dirão por aqui: “Você é um baita de um Mulherão!”

Larissa: Muito obrigada, David! Abraços alvinegros. 🙂

Comentário por David Emmanuel

Parabéns a todas as mulheres, em especial as corinthianas, entre as quais eu destaco a minha como uma das maiores representantes.

Larissa: Oh… Que fofo! Muito obrigada! Abraços alvinegros.

Comentário por Paulo (Shadow)

Parabens a todas mulheres,que seriam de nos homens sem vcs pra batalharem,alegrarem,confortarem,iluminarem nossas vidas

Larissa: Obrigada! Que bom que vocês reconhecem hahaha… Abraços alvinegros.

Comentário por Roger

parabéns lara.

Larissa: Obrigada, Rodrigo! Abraços alvinegros.

Comentário por Rodrigo

Uma curiosidade é que o dia 8 de março foi escolhido como o Dia Internacional da Mulher em 1910 numa conferência promovida pela Internacional Socialista, em homenagem à luta de operárias americanas por equalização de salários e condições de trabalho com os homens.

Um movimento operário serviu de mote para que outro movimento operário (a Internacional Socialista) estabelecesse em 1910 o dia 8 de março como o Dia Internacional da Mulher.

Enquanto isso, um grupo de operários se reunia no Bom Retiro para fundar o maior e mais querido time de futebol de todos os tempos: o Corinthians.

Minhas duas paixões: Mulheres e Corinthians. Não necessariamente nessa mesma ordem.

Larissa: É verdade Luís, tudo a ver! Abraços alvinegros.

Comentário por Luís Carlos

Parabens a todas as gatas, em especial a minha.ehehehehe.

E ponto para Rosenberg, e Ziraldo. Geniaaaaaal.

Larissa: Parabéns a elas! 🙂

Comentário por ToFicandoRouco

Larissa, como dia da mulher é todo dia, feliz dia da mulher para você!

Larissa: Com certeza, Helô! Obrigada e parabéns pra você também. Abraços alvinegros.

Comentário por Heloisa

very very nice article…
check this webcamchat

peace

Comentário por Rodojobby




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: