Corinthians: Preto no Branco


No sufoco, Timão vence e mantém liderança
agosto 4, 2011, 5:58 pm
Filed under: Uncategorized

.

Após duas derrotas consecutivas (contra Cruzeiro e Avaí, respectivamente), o Corinthians reencontrou a vitória no Pacaembu diante do América-MG, lanterna do Brasileirão. O Timão venceu, mas o bom futebol não voltou e os desfalques, especialmente as ausências do artilheiro Liédson e do goleiro Júlio César, atrapalham o rendimento do líder, agora com 31 pontos conquistados.

.

O gol relâmpago de Jorge Henrique, aos 28 segundos de bola rolando, incendiou o Pacaembu, com mais de 30 mil presentes, na fria noite de quarta-feira. A impressão era de que um massacre corinthiano estava prestes a ocorrer, mas o América-MG tratou logo de buscar o empate e, aos 15 minutos, deixou tudo igual no placar. A dupla falha da zaga corinthiana no gol marcado pelo americano Kempes demonstra a total ausência de entrosamento entre os zagueiros e o novo goleiro que, por sua vez, também não parece habituado ao peso da camisa do Corinthians. Renan já sofreu 5 gols em 3 partidas, mais do que Júlio César em toda a competição. A torcida chegou a emplacar as hashtags #ForaRenan e #VoltaJulioCesar nos Trending Topics do Twitter.

.

O América-MG fez jus à colocação na tabela de classificação e apresentou um futebol abaixo da crítica, mesmo assim o Corinthians sofreu até encontrar a vitória, pois o time mineiro tentou preservar, na base da pancada, o gol achado graças à falha do sistema defensivo corinthiano. Além disso, o Timão também não estava em noite inspirada e criou pouquíssimas oportunidades. O infantil Emerson, substituto de Liédson, ainda não consegue se impor como referência na área e vive a desperdiçar jogadas. E há ainda o agravante Tite, que não sabe postar o time para enfrentar adversários retrancados, independente do nível técnico do adversário.

.

Para infelicidade de muitos e alegria da Fiel, Paulinho, demonstrando um oportunismo ímpar, voltou a marcar. O volante finalizou da entrada da pequena área, após cobrança de falta desviada na zaga, aos 22 minutos da etapa complementar. No lance, Gílson foi expulso ao reclamar um impedimento que não houve. A vantagem numérica devolveu ao Timão o controle do jogo e o América já não ameaçava mais o gol do inseguro Renan. Sem objetividade nas finalizações, o Corinthians apenas segurou a magra vitória até o apito final.

.

Apesar do sufoco, o décimo triunfo alvinegro em 13 rodadas já diminuiu um pouco a tensão de torcida e elenco após duas derrotas consecutivas, mas o futebol apresentado e os desfalques ainda são motivo de muita preocupação. Na próxima rodada, o Corinthians enfrenta o Atlético Paranaense, na Arena da Baixada, e o departamento médico corre contra o tempo para tentar devolver Júlio César e Liédson ao time.


5 Comentários so far
Deixe um comentário

Oi Larissa !!!

Realmente foi preocupante o desempenho da equipe neste jogo, só espero que isto não aconteça na reta final do campeonato ( meu medo maior)

Tomara que contra o Patético Paranaense caia uma luz que ilumine o caminho do Gol para Emerson, o cara sempre faz o mais difícil dentro da área ( aqui em casa o palavrão mais leve pra ele foi filha da p… kkkk)

Abçs !!!

Comentário por Vagner Marcondes

O nível do futebol apresentado preocupa, especialmente pq o time já queimou a gordura que tinha para queimar e a liderança está ameaçada. Precisamos mudar já.

Abraços alvinegros.

Comentário por Larissa Beppler

Achei o time um pouco apressado demais. Sem paciência.
Muita correria. Falta cadenciar mais e manter mais a bola.
Não pode ir pra frente na louca.
Contra o Furacão, espero que o time jogue mais armado na defesa e tocando melhor a bola.
1×0 estará ótimo.

Comentário por Thiago Ferreira

Estou respondendo depois do jogo contra o “Furacão”, que mais parecia uma brisa leve de verão, hehehe. O curioso é que a sua crítica fazia sentido, mas quando o time resolveu parar com a correria ficou lento, pesado demais. Cadê o equilíbrio que o Tite tanto aprecia? Hehehe. Abraços alvinegros.

Comentário por Larissa Beppler

Mas já melhorou muito Larissa. Não estava desesperado.
O ponto ruim foram os gols desperdiçados.
William não podia perder aqueles dois gols nunca.
Na frente do gol, só coloca de chapa.
Deu um chutão por cima, na marca de penalti.
Mas, o time mostrou padrão sim.

Comentário por Thiago Ferreira




Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: